Américo Neves Art Design Interiores

Loading...

terça-feira, 22 de março de 2011

Moveis de Madeira Maciça Lei - Caracteristicas de um Móvel Slow Wood

AS CARACTERÍSTICAS DE UM MÓVEL SLOW WOOD.


A) DEVE SER DE MADEIRA MACIÇA DE LEI:

É o principio que dá origem ao manifesto “Slow Wood”.

Para que o móvel seja considerado “Slow Wood” , a madeira de que ele será feito deverá ser nobre e de crescimento lento ,o que irá aumentar o valor intrínseco do produto e irá requerer do artesão maior conhecimento na escolha das madeiras e habilidade na estabilização de seu comportamento mecânico. Ou seja , a participação e o conhecimento do artesão é fundamental.

O princípio “Slow Wood” necessita de peças que possam durar muito tempo visando minimizar a cultura do móvel descartável e que estes móveis e peças de madeira possam ser reutilizados através de gerações , diminuindo assim a demanda em longo prazo.

Os materiais particulados (MDF , OSB,chapas de fibro-cimento, chapa de baixa densidade etc.) , são proibidos.

Os motivos são:

1)São pesados demais ,dificultando o manejo

2)São de baixíssima durabilidade e inadequados para paises de clima tropical com excesso de umidade.

3)Quando usinados produzem partículas finíssimas que podem penetrar tanto através da pele como através da respiração de quem os maneja.Estas partículas são carregadas de resinas (concentrados de Uréia Formol ) que são as responsáveis por aglutinar as partículas de “madeira”. O Formaldeído é uma substância tóxica quando inalada , ingerida ou em contato com a pele ,sendo corrosiva (nº da ONU 2209 ) , classificado pela ACGIH como grupo A2 , suspeito carcinogênico humano ,podendo causar efeitos prejudiciais em longo prazo no meio ambiente , em contato com o ar atmosférico pode oxidar a substância formando ácido fórmico , principalmente quando aquecido.A biodegradação produz ácido fórmico e metanol.

4)Não seqüestram carbono pois quando a matéria prima é transformada em partículas o carbono se desprende.

5)Quando eles são jogados fora , eles geram mais poluição,pois sua completa degradação é lenta , principalmente em composição com laminados melamínicos .

6)Sabe-se que mobiliário e divisórias de MDF e OSB são alguns dos grandes responsáveis pela poluição ambiental de uma casa.

7)O preço dos materiais particulados para o pequeno e médio consumidores não são vantajosos economicamente.

8)O reflorestamento cuja finalidade é o fabrico de madeiras particuladas e papel é altamente prejudicial não só para o solo como para toda a biodiversidade (mono-reflorestamento)

B) A ORIGEM DA MADEIRA PODE SER DE FLORESTAS NATIVAS OU


DE REFLORESTAMENTO BIODIVERSIFICADO.

A política de utilização da madeira , talvez seja um dos aspectos mais interessantes ,uma vez que não somos contra o uso de produtos retirados de florestas .
Contudo propomos novas reflexões sobre os métodos empregados na retirada das mesmas. Sabe-se que na Europa muitas árvores são retiradas com a utilização de helicópteros.Certamente outros métodos podem ser criados sem que se destrua o entorno.Naturalmente haveria um encarecimento dos produtos florestais , entretanto este custo seria diluído ao longo do tempo pois a durabilidade dos produtos seria maior.
Com relação ao reflorestamento,devemos separar o que é o reflorestamento que se vê em terras cultivados com Eucaliptos e coníferas e o reflorestamento verdadeiro.
No reflorestamento verdadeiro temos todas as espécies nativas de uma determinada região misturadas , regenerando a biodiversidade original da mata. É este reflorestamento que desejamos e que aliás já foi feito na serra do mar em São Paulo. Assim sendo as florestas poderiam ser utilizadas em períodos de rotação maiores ou menores ,de acordo com a capacidade de amadurecimento de cada parte de floresta.

C)POLÍTICA DE SEQÜESTRO DE CARBONO

Sabe-se que ao utilizarmos madeira maciça não particulada , estamos preservando dentro dela uma certa quantidade de carbono , que de outra maneira estaria dispersa no meio ambiente .

D) NÃO UTILIZAR ACABAMENTOS E INSUMOS TÓXICOS

Ao dar o acabamento(vernizes e pinturas) nas peças de madeira , evitar produtos que sejam tóxicos na aplicação ou na fabricação dos mesmos. Alguns produtos recomendados são: a goma laca cujo solvente é o álcool , a têmpera à base de ovos ,o óleo de cozinha ou de Tung e etc. Procurar utilizar o máximo possível as resinas vegetais e ceras , não derivadas de petróleo ,as quais além de não serem tóxicas , geram empregos nas pequenas coletividades extrativistas do norte e nordeste do país.Podemos citar alguns exemplos como as ceras de Carnaúba , de abelha , a resina de Benjoim , o óleo de Linhaça , o Breu, etc.

Deve-se ter especial cuidado na escolha dos adesivos (colas),existem colas de origem animal que são mais eficientes e infinitamente menos tóxicas que as utilizadas atualmente.

Note-se que todos estes produtos e outros tantos, foram utilizados até meados do século passado em grande escala na fabricação de peças de madeira.A introdução de produtos químicos e de derivados de petróleo ocorreu para maximizar a velocidade de produção e a minimização dos custos de mão de obra.Slow Wood procura exatamente o caminho inverso ou seja , agregar valor nos materiais e mão de obra e retirar do nosso meio produtos danosos.

E)REFLORESTAR , UMA OBRIGAÇÃO DE QUEM CONSOME.

As empresas que utilizam produtos florestais de quaisquer espécies , deveriam, através de meios a serem estudados , a replantar de forma potencializada , a madeira que consumiram dentro de um determinado período.Todos nós sabemos que o custo de uma muda de qualquer árvore é baixíssimo .

F) A QUESTÃO ENERGÉTICA

Dentro dos princípios de consumo lento de produtos florestais , não devemos nos esquecer que a indústria do mobiliário tem um grande consumo de energia elétrica. Soluções do passado como a energia hidráulica ou eólica podem e devem ser exploradas.

Até pouco tempo , tivemos marcenarias movidas por rodas d’água com a energia conduzida por um sistema de correias. Sem dúvida , são idéias brilhantes do passado.

G)OS PRINCÍPIOS ESTÉTICOS , FUNCIONAIS E CONSTRUTIVOS DE UM

MÓVEL SLOW WOOD.

O móvel , como a própria palavra descreve ,é um bem de consumo transportável . Dentro deste pensamento se incere o conceito de transportável e reutilizável eventualmente com novas funções. O que hoje é um guarda-comida , amanhã pode ser um armário para CDS. ou para guardar louça ou mesmo uma adega.

Partindo do princípio que o móvel será de madeira maciça , as junções devem ser encaixadas e /ou parafusadas e/ou cavilhadas de acordo com a necessidade mecânica de cada peça.

Deve-se fazer o uso racional da madeira maciça evitando gastar grandes quantidades especialmente nas espessuras .Um móvel “pesado” não significa um móvel bonito ou bem feito ou mesmo de boa qualidade (sabemos que o aglomerado e o mdf são pesadíssimos ). Um dos meus mestres sempre me dizia para fazer um móvel “legerino” ou seja leve.

As dimensões devem ser reduzidas , levando-se sempre em conta que as habitações são e continuarão a ser cada vez menores. O maior luxo deste século é o espaço.

Deve-se pensar em enriquecer o móvel com pequenos detalhes que o tornem prazeroso para quem vê e confortável para quem usa.

Esteticamente , devemos sair da linha reta como única opção .O conceito da linha reta foi criado para facilitar os processos industriais e não é absolutamente um processo estético.

A mão de obra é a mais-valia de um móvel . Um móvel mais barato pode ter seu charme se for enriquecido com algum detalhe.Entretanto ,este pequeno detalhe não irá conferir uma variação significativa no seu preço final.

Especial atenção deve-se ter com as ferragens. Elas devem seguir os mesmos princípios de durabilidade e estética.


H) A EMPRESA SLOW WOOD E AS RELAÇÕES TRABALHISTAS

Uma empresa Slow Wood poderia se assemelhar a uma corporação de ofícios , uma micro-empresa onde não existam as relações trabalhistas na forma difundida hoje no Brasil , mas um outro conceito que dê oportunidade aos iniciantes e reconhecimento aos mais velhos.

Sem os encargos que pesam sobre as empresas e que inviabilizam a profissionalização dos mais jovens. Tiraríamos da fila dos desempregados e da informalidade milhares de pessoas e prepararíamos o futuro de outras tantas.

Para tanto, uma reforma profunda nas leis trabalhistas é de suma importância. Um equilíbrio entre o passado descrito no livro “Oliver Twist” e o presente onde não se contrata ninguém deve ser atingido .

Outro aspecto a ser considerado é a futura sobrevivência do sindicalismo como o conhecemos hoje. Criaram-se sindicatos (dos empregados e patronais) de todas as espécies e categorias que na maioria das vezes só cobram as contribuições legais e pouco ou nada fazem de efetivo pelos seus representados .

Dentro do espírito Slow Wood estas questões devem ser reavaliadas.

Uma das saídas possíveis, que começa a se apresentar hoje em dia, é a relação de parceria , onde não existem mais as figuras do patrão e do empregado.

Outra característica de uma empresa Slow Wood é a transparência nas relações comerciais tanto por parte do prestador de serviços ou produtor como por parte dos clientes.Um cadastro publicado na internet poderia dizer quem é quem em cada corporação,ou seja, a empresa que não cumprisse o prometido teria uma espécie de ônus em seu currículo bem como os clientes maus pagadores também .

Cada corporação não deixaria de existir com o desaparecimento de seu fundador pois o conhecimento adquirido ao longo dos anos ficaria agregado àquela corporação e transmitido aos mais jovens , sanando assim um dos problemas mais graves que temos no Brasil que é a falta de memória das técnicas e princípios construtivos.








Um comentário:

  1. Arquitetura Decoração Interiores SP -Américo Neves 43 tradição (11) 2041-3122 (11) 3498-7089
    www.americonevescadeiras.com.br Moveis Feitos a Mão ,produção Artesanal Limitada


    Visite nosso Ateliê de Moveis sob Encomenda SP -


    O Artificie Américo Neves em 1967 iniciou seu trabalho nas indústrias de móveis, trabalhou em várias empresas adquirindo experiência na fabricação de móveis exclusivos feitos a Mão em Madeira de Lei Nobre.
    Quando em 1980 teve a iniciativa de montar sua própria marcenaria, dedicando todo o seu amor a arte decidiu especializar-se na fabricação de cadeiras para Lojas de Grife de São Paulo.
    Com grande experiência em Marcenaria Artesanal,continuou executando Moveis para Arquitetos de Renome e Designers de Interiores Famosos e mais de 6001 consumidores Final em São Paulo,executando projetos Arquitetura Design Interiores em Casas,Apartamentos de Alto Padrao em SP,mobiliario interno Exclusivo feito por grupo selecto de Artesãos,liderado pelo Artificie Américo Neves que atua a 43 anos em SP.
    Iniciou-se assim uma vastas coleçãode moveis sob encomenda, fazendo réplicas em vários estilos,releituras e reedição de Moveis epoca e assinados e outros de sua própria criação, hoje conta com mais de
    1001 modelos de Moveis,traga seu projeto realizamos sonhos.
    Conheça Nossa Ateliê de Moveis -
    Américo Neves Art Design em Interiores tem uma vasta selecção de centenas de itens de série produzido no Velho Mundo mobiliário diferentes e exclusivos so executados sob encomenda em SP.As peças são customizadas com o tipo de ferramnetas e técnicas usadas a centenas de anos,cada coleção e trabalhada por verdadeiros Artificies.Nada e feito numa linha de montagen criando,assim,exclusivamente a reprodução maravilhosamente impecavel o acabamento quase chegando a autênticidade.Via Mundo Nossas coleçôes são feitas de Jequitibá madeira nova certificada pelo (DOF) excepcionalmente tratados com uma nova técnica brasileira,como a técnica eupéia.
    Visite nosso Ateliê e traga seu projeto,aqui ele é unico e exclusivo.
    Peças unicas quase chegando a autenticidade. Estamos orgulhosos do nosso acabamento e estilos que são tão belamente confeccionados a tornar praticamente impossivel distingui-los dos originais.
    Trabalho com Moveis sob encomenda para Arquitetura Design Interiores, mobiliario interno,móveis clássicos,restauração moveis classicos,reproduções,cópias,restauros de vários estilos,móveis entalhados a mão,poltronas classicas,cristaleiras classicas,camas classicas design moderno,mesas classicas design moderna,aparadores estilo classico,bancos classicos entalhados,banquetas estilo classico,espelhos tudo entalhado a mão,enfeites de paredes entalhados,em vários estilos luiz xv,luis XVl,barroco,regencia,italianos,vitorianos,diretorio,chippendale,queen anne,apliques de madeira,entalhes em geral ,restauração de moveis epoca antigos,reprodução mobiliario vintage epoca,cópias de móveis clássicos,pintura,lustração e laqueação,tapeçaria artesanal,sofas e estofados sofisticados alto padrao luxo,madeira de lei nobre jequitiba liberada e certificada pelo (DOF) documento de origem florestal do Ibama. AAAAAA BANCOS ENTALHADOS,ESPELHOS ENTALHADOS,MESAS ENTALHADAS, POLTRONAS ENTALHADAS,CADEIRAS ENTALHADAS,APARADORES ENTALHADOS,PORTAS ENTALHADAS,ENTALHES EM MADEIRA,ENTALHES EM CADEIRAS,ENTALHES EM ESPELHOS,ENTALHES EM GERAL,MOVEIS ESTILO PROVENÇAL,INGLES,INGLESES,FRANCESES,ITALIANO PARA SALA JANTAR E ESTAR SOB ENCOMENDA E MEDIDA EM MADEIRA DE LEI E COMPENSADOS DE 1 LINHA SARRAFIADO E LAMINADO,TUDO EXECUTADO COM EXIMIO POR MARCENARIA ARTESANAL PARA OS MELHORES ESCRITORIOS DE ARQUITETURA DESIGN INTERIORES SP E MAIS DE 6001 CONSUMIDORES FINAL.
    Com amor e arte de toda sua família, hoje com seus três filhos ao seu lado: André, Amarilis e Diego, para atender ainda melhor seus clientes e amigos

    ResponderExcluir